Indústria de A a Z

Glossário com os principais temas, ações, programas e serviços da indústria brasileira. 

O que é indústria?

Indústria é uma atividade econômica que surgiu na Inglaterra no século XVIII, com o objetivo de transformar matéria-prima em bens comercializáveis e com maior valor agregado. O setor industrial engloba uma série de atividades produtivas que impactam positivamente nos demais setores da economia como agronegócio, comércio e serviços. A indústria é a principal geradora de inovação por meio do financiamento, pesquisa e desenvolvimento (P&D). 

O cenário internacional comprova, por meio dos exemplos de países mais desenvolvidos, a importância das políticas industriais como catalisadores do desenvolvimento econômico das nações. Os dados confirmam que a indústria é responsável pela geração de renda com empregos qualificados.

 

A indústria no Brasil
 

O setor industrial é um dos maiores geradores de empregos no Brasil e fortalece todo o setor produtivo. Pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) revela que o setor é responsável por empregar 9,7 milhões de brasileiros e responde por 20,4% dos empregos formais do país.

Os números revelam a importância da indústria para o Brasil. Apesar de representar 20,4% do PIB, a indústria responde por 69,2% das exportações brasileiras de bens e serviços, também por 69,2% do investimento empresarial em pesquisa e desenvolvimento, 33% das arrecadações de tributos federais (exceto receitas previdenciárias) e 31,2% da arrecadação previdenciária patronal.

O poder da indústria de gerar crescimento e impactar os demais setores da economia também pode ser comprovado pelos dados. A cada R$ 1,00 produzido pela indústria, são gerados R$ 2,43 na economia brasileira. Nos demais setores, o valor agregado é menor. Na agropecuária é de R$ 1,75 e no comércio e serviços é R$ 1,49.

Em termos de remuneração para o trabalhador, a indústria também se destaca. Enquanto os trabalhadores com ensino superior ganham, em média, R$ 5.887 no Brasil. Na indústria o valor é 31,7% maior, R$ 7.756. Situação semelhante ocorre entre os trabalhadores com ensino médio completo. A indústria paga R$ 2.434 na média para esse perfil de empregado um valor é 14,3% maior do que em outros seguimentos.

 

As indústrias podem divididas conforme a finalidade do que produzem e o tipo de atividade ou setor no qual se enquadram.

Podemos destacar os principais tipos de indústria como:

Indústria de base: indústria que transforma matéria-prima bruta em matéria-prima processada produzindo insumos para outras indústrias

Indústria de bens intermediários: indústria que produz equipamentos e maquinários para equipar as indústrias de bens de consumo

Indústria de bens de consumo: indústria que transforma matéria-prima processada pela indústria de base em itens para o consumidor final