Selo-internas3.png

Mostras itinerantes


A série de mostras itinerantes da sétima edição do Prêmio Indústria Nacional Macantônio Vilaça vai começar em Belo Horizonte (MG), no Palácio das Artes (Fundação Clóvis Salgado), a partir de 27 de março. A exposição com obras dos cinco artistas premiados é gratuita e vai até 3 de maio.

A mostra tem ainda uma série de ações educativas. A programação contará com visitas guiadas, oficinas, experimentações e vivências que exploram processos, reflexões, meios e procedimentos presentes nas obras e processos de pesquisa dos artistas. As atividades foram definidas com base em quatro eixos: formação de educadores, formação de professores, visitas guiadas e oficinas de investigação e criação.

A proposta educativa está diretamente relacionada ao Programa ACESSE – Arte Contemporânea e Educação em Sinergia no SESI. O objetivo é a formação de professores para a inovação pedagógica a partir do desvelamento de procedimentos, materiais e reflexões utilizados por artistas contemporâneos.

O programa visa apoiar a implementação da metodologia STEAM (sigla em inglês para Ciências, Tecnologias, Engenharias, Artes+Design e Matemática), o trabalho integrado entre as áreas do conhecimento e a aprendizagem no Ensino Médio por meio da experimentação.

Para participar das atividades do programa educativo, faça o agendamento pelo telefone: (31) 3236-7400 (terça a sexta-feira, das 10 às 17h) ou pelo e-mail agendamento.galerias@fcs.mg.gov.br

Após temporada na capital mineira, a mostra itinerante ainda percorrerá as cidades de Salvador (BA), Porto Alegre (RS) e Campo Grande (MS).