www.cni.org.br

http://cni.org.br/noticias/123465978

Atuação

QUALIDADE EM EDUCAÇÃO PROFISSIONAL

Desde que foi criado, em 1942, o SENAI formou 64,7 milhões de trabalhadores. Em 2014, as 518 unidades operacionais fixas e 504 unidades móveis espalhadas pelo país receberam mais de 3,6 milhões de matrículas.

Os cursos do SENAI preparam trabalhadores para 28 áreas industriais. Os cursos vão desde a iniciação profissional até formação inicial e continuada, passando também por cursos técnicos de nível médio e superior (graduação e pós-graduação).

Com vistas à utilização de tecnologias flexíveis e adaptadas à realidade da indústria, o SENAI possui o Programa SENAI de Padronização Educacional que visa alinhar a oferta de ensino profissional em todos os estados brasileiros, além de disponibilizar recursos didáticos de alta qualidade.

Para estabelecer uma base comum para seus cursos, o SENAI utiliza Itinerários Formativos Nacionais, que incluem as novas áreas tecnológicas. Possui livros didáticos alinhados aos desenhos curriculares nacionais de cursos técnicos e de qualificações profissionais.

TECNOLOGIA E INOVAÇÃO A SERVIÇO DA INDÚSTRIA BRASILEIRA

Além de oferecer educação profissional de qualidade, o SENAI também apoia a competitividade da indústria brasileira, por meio da rede de Institutos SENAI de Inovação e Tecnologia. Com infraestrutura e profissionais capacitados, a rede desenvolve produtos e processos inovadores. Até 2017, o atendimento à indústria será ampliado com a criação de 26 institutos de inovação e 61 institutos de tecnologia.

Para impulsionar a competitividade da indústria brasileira, o SENAI projetou os Institutos SENAI de Inovação – ISI. Nas grandes empresas, os institutos facilitarão os projetos de pesquisa e de desenvolvimento; nas médias e pequenas, estimularão as iniciativas de inovação e a formação de parques tecnológicos. A iniciativa conta com a parceria do Instituto Fraunhofer, da Alemanha, e com Massachusetts Institute of Technology - MIT, dos Estados Unidos.

O SENAI também mantém os Institutos SENAI de Tecnologia em vários estados do país, oferecendo serviços laboratoriais, consultorias técnicas especializadas e desenvolvimento de produtos e processos industriais.

SENAI em números

 
  • 64,7 milhões de profissionais qualificados para o trabalho entre 1942 e 2014;
  • 3,6 milhões de matrículas anuais em educação profissional;
  • 2,7 mil municípios em todo o país;
  • 109 mil serviços técnicos e laboratoriais realizados;
  • 8 centros de formação profissional no exterior, além de um centro de tecnologia ambiental.