www.cni.org.br

http://cni.org.br/noticias/123465978

Apresentação do Projeto Norte Competitivo

Data: De: 20/07/2011 Local: Brasília (DF) Auditório do 1º Subsolo - SBN Quadra 1 Bloco C - Ed. Roberto Simonsen - Sede da CNI
O projeto Norte Competitivo levantou os gargalos e os investimentos necessários para melhorar a infraestrutura de transportes da Amazônia Legal. A região engloba os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins e responde por 8% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro. Mas enfrenta gargalos significativos para escoar essa produção.

O Norte Competitivo, encomendado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), em parceria com as federações das indústrias dos nove estados, identificou que se nenhum investimento for feito até 2020, pelo menos 13 malhas rodoviárias, ferroviárias e fluviais estarão sendo utilizadas acima da capacidade limite e quatro portos estarão com gargalos. Para modernizar a logística da região, é preciso investir R$ 13,7 bilhões em 73 projetos prioritários.

Esse investimento se pagaria em menos de quatro anos, em função de uma redução do custo com transporte. Atualmente, os estados da região da Amazônia Legal gastam o equivalente a R$ 17 bilhões por ano com custo logístico.