logopi2018.png



A CNI apresenta 43 cadernos temáticos com medidas objetivas para melhorar as condições produtivas no Brasil e estimular o crescimento sustentado da economia.

Clique aqui para saber como foi o evento de entrega das propostas aos
candidatos à presidência da República, realizado em 4 de julho


Desde 1994, antes das eleições presidenciais e para o Congresso Nacional, a CNI apresenta à sociedade e aos candidatos sugestões para melhorar o desempenho da economia. A apresentação de propostas para o crescimento econômico e social do Brasil é uma tradição. Neste ano, foram encaminhados aos candidatos 43 documentos com as sugestões do setor, que foram elaborados com  base no Mapa Estratégico da Indústria 2018-2022.


As propostas


Apesar dos avanços na economia e na área social nos últimos 24 anos, o Brasil ainda busca um desenvolvimento econômico sustentável. As eleições gerais de 2018 oferecem uma nova oportunidade para a sociedade brasileira pensar no país que deseja para os próximos anos.

Para contribuir com o debate, a CNI elaborou o Propostas da Indústria para as Eleições 2018, um conjunto de propostas a serem discutidas e entregues aos candidatos à Presidência da República.

Em temas considerados fatores-chave para a competitividade, os documentos trazem ideias que a indústria defende para aumentar a produtividade do trabalhador, melhorar o ambiente de negócios, estimular a economia e ampliar a geração de emprego e renda.



 

Conheça as propostas clicando em um dos fatores-chave abaixo:

Evento


Organizado pela  Confederação Nacional da Indústria (CNI), o evento Diálogo da Indústria com os Candidatos à Presidência da República é um encontro entre os presidenciáveis e os dirigentes do setor industrial.

Durante o encontro, que foi realizado no dia 4 de julho, a CNI apresentou aos presidenciáveis o documento Propostas da Indústria para as Eleições 2018. Os candidatos tiveram a oportunidade de debater os estudos elaborados pela CNI e apresentar medidas que adotariam em seus governos para  aumentar a produtividade das empresas e estimular o crescimento sustentado da economia brasileira.


 

41382674110_aef40920ca_z.jpg