IEL Educação Executiva
www.cni.org.br

http://cni.org.br/noticias/123465978

Insead França 2012

Formação e aprimoramento de líderes no mercado

O curso Gestão Estratégica para Dirigentes Empresariais oferece aos executivos brasileiros capacitação de excelência, baseada em modernos conceitos e práticas consagrados no mundo dos negócios.

Na sua 12ª edição, o programa, coordenado pelo IEL Nacional, discutiu temas como gestão, desafios e estratégias para equipes de alto desempenho, multinacionais no Brasil e em outros países emergentes. Também avaliou as mudanças trazidas pelas mídias sociais.

Visando a inovação nas empresas, todos os debates ocorreram em um ambiente de aprendizagem interativo, em período integral, com simulações, aulas expositivas e discussões de experiências de sucesso.

CURSO REALIZADO EM AGOSTO DE 2012.

INSEAD

 

Primeiro lugar no ranking da revista norte-americana Forbes, a Insead é uma das principais escolas de negócios do mundo. Tem campi na Europa (França), Ásia (Singapura) e nos Emirados Árabes (Abu Dabi), além de um centro de pesquisa em Israel.

Com 145 professores oriundos de 36 países, pesquisadores que são referência mundial em gestão e em pesquisa de ponta, a Insead revolucionou a educação empresarial.

A cada ano, mais de 6 mil executivos participam dos programas de educação executiva da Insead. A instituição, criada em 1957, é parceira do IEL há 12 anos.

A quem se destina

 

Empresários, executivos e sucessores empresariais responsáveis por decisões estratégicas no ambiente de negócios.

Resultados

 
O curso vai ajudar você:
  • Compreender as mudanças e as tendências da economia global e o papel do Brasil e dos demais países emergentes na nova ordem mundial;
  • Avaliar os modelos de empresas que as multinacionais brasileiras desejam construir;
  • Analisar as relações dos dirigentes e executivos com a estratégia empresarial;
  • Considerar o papel das parcerias e como transformar essas alianças em vantagens competitivas para a empresa;
  • Compreender as especificidades do setor de serviços;
  • Estudar as ferramentas oferecidas às empresas pelas mídias sociais;
  • Gerenciar equipes de alta performance em condições turbulentas;
  • Trocar experiências e informações com executivos de outras empresas.

Temas

 

Estratégia empresarial

Definir e implementar a estratégia é uma das principais atribuições do líder. O curso orienta dirigentes e executivos a colocar em prática os planos necessários ao alcance dos objetivos empresariais traçados. Mostra como mobilizar recursos humanos e materiais para alcançar o futuro almejado pela empresa.

Além disso, convida os participantes a refletirem sobre como comunicam a estratégia para os empregados executarem os projetos, como fazem apresentações ao Conselho e como mantêm a motivação da equipe em torno dos objetivos propostos.

Alianças como alavancas de vantagem competitiva

O programa ajuda os dirigentes e executivos a identificar parcerias e a usar as alianças para ganhar competitividade, agregar valor e criar diferenciais em relação aos competidores.

Também aponta caminhos para a entrada em novos mercados e discute a necessidade da empresa buscar ou não parcerias para se instalarem em outros países.

Desafios da competição na economia do conhecimento

Atualmente, não basta construir uma rede eficiente de produção, vendas e filiais de serviços para conquistar mercados. O acirramento da competição global exige que as empresas dominem o conhecimento e sejam inovadoras.

Por isso, o curso orienta os participantes a buscarem as oportunidades e as ferramentas necessárias para vencer o chamado desafio metanacional, ou seja, usarem conhecimentos de tecnologias e mercados espalhados no mundo para criar valor e aplicar na inovação de produtos, processos e serviços.

Gestão da internacionalização

A internacionalização é um imperativo para muitas empresas. Diante disso, o curso discutirá os principais desafios enfrentados pelos empresários que ampliam as atividades e passam a atuar em outros países.

Entre as dificuldades que serão analisadas estão a demora no retorno do investimento e a superação dos obstáculos internos à expansão da empresa no exterior.

Além disso, os participantes discutirão como funciona na prática e como tirar proveito do processo de aprendizagem proporcionado pela internacionalização.

Desafio da colaboração global: de equipes às organizações

A colaboração efetiva e o comprometimento das pessoas e das organizações são decisivos para o êxito do processo de internacionalização e o bom desempenho de equipes globais.

No curso, com a ajuda da simulação EagleRacing, os participantes avaliarão as dificuldades que os líderes enfrentam para incentivar as pessoas a colaborarem de forma produtiva nas organizações.

Analisarão as causas comportamentais, organizacionais e culturais que determinam o sucesso ou fracasso de iniciativas que buscam a colaboração nas organizações.

A partir da discussão do caso Mayday Vestas Vídeo, dirigentes e executivos terão um panorama de tendências futuras e de como as empresas podem trabalhar problemas geográficos, culturais e funcionais para obter a colaboração. O exame de casos das empresas Cisco, Alfa Romeo e Google permitirá ainda a análise de ideias e melhores práticas nos sistemas de colaboração.
Liderança justa
O curso mostrará como funciona a relação entre líderes e seus seguidores, a relevância das equipes e o papel do ambiente na promoção da liderança. A partir das atitudes do imperador francês Napoleão, que, em um período de grande turbulência na história mundial, se consagrou como líder heroico, os participantes avaliarão a importância do líder justo para a harmonia das equipes e a sustentabilidade das empresas.
Gestão de equipes de alta performance em condições turbulentas
Inovação e mudança requerem empreendedorismo, criatividade e trabalho em equipe. Por isso, o curso apresentará algumas regras para estruturar o trabalho em equipe e ferramentas de diagnóstico.
Mudança de paradigma: multinacionais emergentes
Esse módulo do curso discutirá o papel das multinacionais de países emergentes, como a fabricante chinesa de computadores Lenovo, a brasileira Petrobras e a indústria indiana de veículos Tata.
Também avaliará como o poder de expansão de empresas emergentes contribui para a mudança na ordem econômica mundial.
Ao longo dos debates, os participantes conhecerão ferramentas de análise importantes para melhorar a gestão e ajudar as empresas a explorar com sucesso as oportunidades e enfrentar os desafios oferecidos pelos países emergentes.
Novos desafios em operações e serviços
O curso discutirá os novos desafios das empresas e apontará caminhos para a superação dos obstáculos em um mundo no qual a conquista do consumidor e a diferença do produto exigem muito mais que gestão da qualidade total, revisão de operações improdutivas, reestruturação ou terceirização.
Entre os desafios que serão avaliados estão os fatores que limitam a competitividade, em um cenário em que a concorrência obriga as empresas a desenvolver frequentemente vantagens competitivas e soluções inovadoras para o mercado.

Professores

 

Albert A. Angehrn
É professor de Tecnologia da Informação desde 1989 e diretor do Centro de Aprendizagem Avançada e do CALT (Center for Advanced Learning Technologies), ambos da Insead. É especialista na modelagem de dinâmicas de colaboração e desenvolvimento de simulações (codinome: L2C - aprender a colaborar) que mostram como é difícil ajudar as pessoas a se envolver em colaborações produtivas, particularmente se elas são muito diferentes e estão geograficamente distribuídas e envolvidas em processos complexos como a inovação.

Autor de várias publicações acadêmicas, estuda dinâmicas organizacionais da mudança e da inovação e a concepção e estudo de ambientes virtuais para troca de conhecimento, de aprendizagem em redes, e de agentes inteligentes que operam na web.

James Tébou
Diretor do Programa Executivo Internacional e Professor de Gerenciamento Operacional nas áreas da indústria e serviços da Insead, é engenheiro formado pela École Centrale de Paris, mestre pela Universidade de Sherbrooke, do Canadá, e doutor em Ciências pela Universidade de Paris. Trabalha com pesquisa na área de gestão da qualidade, de serviços e da cadeia de fornecedores. É autor dos livros A Era dos Serviços (1999) e Serviços em Cena (2008).

José Santos
Professor de Gestão Internacional da Insead, atuou mais de 20 anos como executivo de empresas multinacionais. Formado em Engenharia pela Universidade do Porto e mestre em Ciências Administrativas pela Universidade de Londres, é coautor do livro From Global to Metanacional: How Companies Win in the Knowledge Economy, referência para empresas na economia do conhecimento.

Lourdes Casanova
É professora da Insead especialista em negócios internacionais e responsável pelas relações do Instituto com empresas latino-americanas. É mestre pela University of Southern California e doutora pela Universidade de Barcelona. Atua como consultora do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Pesquisa as estratégias adotadas por empresas da Ásia, da Europa e dos Estados Unidos para entrarem no mercado latino-americano. Também avalia as respostas das empresas à competição global e à falta de regulamentação existente em alguns países.

Ludo Van der Heyden
É professor de Gestão de Tecnologia e Operações, atua na Insead desde 1988 e é diretor do Advanced Management Programme. Criou o Centro Internacional Wendel para a Empresa Familiar, foi correitor e diretor do Zentrum Leipzig, todos da Insead. Foi professor das universidades norte-americanas de Yale e Harvard.

Narayan Pant
É professor da área de Estratégia na Insead, especialista em sistemas comparativos de saúde, contingências regionais no planejamento da estratégia e antecipação estratégica. Ministrou cursos em programas executivos e atua como consultor para diversas empresas. Sua lista de clientes inclui multinacionais globais, empresas regionais, indústrias, ministérios e outros organismos de governo. Trabalhou em sistemas nacionais de saúde, planejamento e otimização de financiamento de saúde e distribuição.

Planeje-se

 

Data: 27 a 31 de agosto de 2012

Local: Campus da Insead - Fontainebleau, França

Investimento: $ 9.200,00 Euros

Inclui: aulas, material didático, tradução simultânea, café da manhã, almoço e coffee break no restaurante da escola no período do curso e serviços e instalações do campus.

Hospedagem: Hotel localizado próximo ao campus da Insead, reservado pelo IEL. A diária é de $ 155 Euros (com taxas), em apartamento single, incluindo café da manhã.

Inscrição/seleção: Realizadas por meio do preenchimento de formulário no site www.iel.org.br/eduexecutiva.

O número de vagas é limitado.

Os participantes são selecionados a partir das informações das fichas de inscrição. Todos os dados serão mantidos em sigilo.

Outras Informações

 

Instituto Euvaldo Lodi - IEL

Tels: (11) 3040-3370

E-mail: eduexecutiva@iel.org.br

Edição anterior

 

A 11ª edição do programa Gestão Estratégica para Dirigentes Empresariais contou com a participação de 47 empresários e executivos de 31 organizações. Todos os participantes informaram que recomendariam o programa.

O curso, como os demais programas da Educação Executiva IEL, combinou aulas expositivas, baseadas em estudos de caso, com trabalhos e discussões em grupo e abordou os mais modernos conceitos e prática de gestão de negócios.

 

 

 

 

 

 

 


@cni_br