www.cni.org.br

http://cni.org.br/noticias/123465978

CNI nas Redes Sociais


A Confederação Nacional da Indústria (CNI) quer se aproximar cada vez mais dos empresários que representa e também do trabalhador. É por isso que tem investido para ampliar sua presença nas mídias sociais.

Com perfis no Facebook, Twitter, Instagram, Flickr, Google Plus, Youtube, Slideshare e SoundCloud, a instituição divulga as principais ações, eventos, notícias e compartilha os demais conteúdos de interesse do setor. Nessas mídias também são veiculadas informações do Serviço Social da Indústria (SESI), do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) e do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) que, juntos, formam o Sistema Indústria.

Dessa forma, a CNI estabelece uma relação mais direta e pessoal com seu público-alvo, além de reunir e mobilizar pessoas em relação às campanhas e aos fatos mais relevantes relacionados ao universo da indústria. Essas mídias oferecem facilidades de acesso por celular e conexões de velocidade baixa, garantindo mobilidade e visibilidade onde quer que o internauta esteja.

Conheça um pouco mais das mídias sociais em que a CNI está presente:

TWITTER - O serviço de microblogging permite a publicação de textos curtos, fotos e vídeos. Os seguidores do perfil @cni_br têm acesso às últimas informações do setor e a coberturas de eventos em tempo real. Confira no endereço twitter.com/cnibr e conheça também o perfil do SENAI: twitter.com/SENAInacional


FACEBOOK - A página da CNI no Facebook concentra fotos, vídeos, novidades e eventos no mesmo espaço. É lá que o usuário pode encontrar colegas, amigos e contatos profissionais. Para receber as novidades da instituição em seu mural, basta entrar na página e clicar em “Curtir”. Visita a página: facebook.com/cnibrasil. Para conhecer a página do SENAI, acesse facebook.com/senainacional


YOUTUBE - No canal da CNI no YouTube, a maior rede de compartilhamento de vídeos do mundo, o internauta encontra as transmissões que foram realizadas ao vivo pelo Portal da Indústria, como a divulgação de pesquisas e debates, além de vídeos institucionais e outros conteúdos de interesse. Para receber alertas sobre os novos vídeos publicados é necessário fazer a inscrição na página clicando em “Inscrever-se” (Subscribe, se o site estiver em inglês). Assista: youtube.com/cniweb


FLICKR - O serviço de compartilhamento de fotos potencializa a interação das mídias sociais. Com interface leve e direta, o site permite a publicação de álbuns e o download das imagens em diferentes tamanhos, e serve como vitrine para as ações da CNI. Conheça: flickr.com/photos/cniweb


INSTAGRAM - O Instagram é uma rede social para compartilhamento de fotos e, mais recentemente, passou a contar com vídeos. Por meio dele, é possível publicar imagens com diferentes filtros em uma grande variedade de mídias sociais, como o Facebook e Twitter. Também é possível curtir e comentar o que é publicado. No Instagram, a CNI faz uma cobertura diferenciada de eventos e também divulga informações do setor. Procure o perfil cnibr e seja um seguidor! instagram.com/cnibr


GOOGLE PLUS - O Google Plus integra os principais serviços do Google e se assemelha, em parte, ao Facebook. É por meio dele que a CNI promove os hangouts ou debates virtuais ao vivo, os Rumos da Indústria. Lá, a confederação também compartilha fotos, vídeos e textos. Para acompanhar, basta adicionar o perfil aos seus círculos. Acesse: plus.google.com/101103452913301802718/posts


SLIDESHARE - Além de publicar suas pesquisas no Portal da Indústria, a CNI utiliza a rede social SlideShare. Lá também estão apresentações sobre as pesquisas, regulamentos de prêmios, boletins sobre as novidades legislativas e, ainda, alguns materiais jornalísticos veiculados na grande imprensa que divulgam ações da CNI, SESI, SENAI e IEL. Confira: slideshare.net/CNI


SOUNDCLOUD - É pelo SoundCloud que a CNI compartilha áudios, com destaque para os Boletins da Indústria – materiais editados originalmente para rádios de todo o Brasil. Os boletins, com duração de um minuto, mostram as principais ações do Sistema Indústria. Ouça: soundcloud.com/radioindustria/