CNI Propostas da indústria para o governo
www.cni.org.br

http://cni.org.br/noticias/123465978

Apresentação

O Brasil tem oportunidades e desafios. É um país com indústria diversificada, com abundância de recursos naturais, com grande potencial energético e com um dos maiores mercados internos do mundo. Mas há desafios que precisam ser enfrentados para o país capturar essas oportunidades de forma plena e crescer de forma consistente. A  indústria é imprescindível para o Brasil crescer mais e melhor. Mas, para recuperar sua participação tanto no mercado interno, quanto externo, a indústria brasileira precisa ser mais competitiva. Esse deve ser um desafio do país e do governante que assumir o Palácio do Planalto a partir de 2015.

Com o objetivo de debater as propostas da indústria para o país, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) realizou, em 30 de julho de 2014, um diálogo com candidatos à Presidência da República. No evento, realizado na sede da CNI, em Brasília, os empresários entregaram aos presidenciáveis o documento Propostas da Indústria para as Eleições 2014.

PROPOSTAS DA INDÚSTRIA - O documento da CNI traz 42 estudos e recomendações com os principais temas da agenda da indústria para o desenvolvimento e crescimento do país nos próximos anos. Ao longo de mais de nove meses, a Confederação promoveu debates, reuniões e consolidou propostas em conjunto com centenas de empresários, especialistas, e representantes das associações setoriais da indústria e das federações estaduais. Algumas das propostas chegam ao detalhe da instrução normativa (projeto de lei, decreto ou portaria).

Todos os projetos foram elaborados com base no Mapa Estratégico da Indústria 2013-2022, que estabelece as ações necessárias para fazer o Brasil crescer mais e melhor. Assim como o Mapa, as propostas para as eleições 2014 estão agrupadas em dez fatores-chave: educação; ambiente macroeconômico; eficiência do Estado; segurança jurídica e burocracia; desenvolvimento de mercados; relações de trabalho; financiamento; infraestrutura; tributação; inovação e produtividade. Com a carteira de projetos, a CNI pretende ajudar os novos governantes e congressistas a aumentar a competitividade da indústria e o crescimento do Brasil.


Conheça as propostas de indústria para as Eleições 2014:



Em 2010, os pré-candidatos discutiram propostas para o mandato com o empresariado
HISTÓRIA – Desde 1994, antes das eleições presidenciais e para o Congresso Nacional, a CNI apresenta à sociedade e aos candidatos sugestões para melhorar o desempenho da economia.

A apresentação de propostas para o crescimento econômico e social do Brasil é uma tradição. Este ano, além das diretrizes da agenda da competitividade, a CNI apresenta propostas específicas para a implementação dessa agenda.

As diretrizes gerais foram apresentadas em 2013 no Mapa Estratégico da Indústria 2013-2022. Com base nos dez fatores-chave para o crescimento sustentável, a CNI desenvolveu 42 estudos com recomendações de acordo com as diretrizes do Mapa Estratégico, que compõe As Propostas da Indústria para as Eleições 2014.

Para saber mais sobre as edições anteriores e acessar os documentos das últimas quatro corridas eleitorais clique aqui.
@cni_br