Cursos do Sistema Indústria
www.cni.org.br

http://cni.org.br/noticias/123465978

Cursos da CNI, SESI SENAI e IEL

Há 75 anos, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) trabalha para aumentar a competitividade da indústria brasileira. Por meio do Sistema Indústria, que abrange o Serviço Social da Indústria (SESI), o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) e o Instituto Euvaldo Lodi, oferece capacitações, cursos profissionalizantes e workshops, formando trabalhadores em todos os níveis educacionais.

Os cursos oferecidos pelo Sistema Indústria passam por estágio, educação profissional, pós-graduação e capacitação empresarial, além de ações educativas e socioculturais. Conheça essas iniciativas e saiba mais sobre como participar.



Procompi PROCOMPI - PROGRAMA DE APOIO À COMPETITIVIDADE DAS MICRO E PEQUENAS INDÚSTRIAS


Resultado de uma parceria entre a CNI e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o Procompi financia projetos que visam ao aumento da produtividade, do faturamento e da criação de emprego nos pequenos empreendimentos.

Em atividade desde 1998, o Procompi já beneficiou 7.400 empresas por meio de apoio capacitação empresarial e qualificação e desenvolvimento de fornecedores, entre outras ações.






Programa de Desenvolvimento Associativo PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO ASSOCIATIVO


O Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA) foi criado em 2007 com a intenção de fortalecer a representação sindical na atuação em defesa dos interesses do setor industrial brasileiro. De 2007 a 2013, foram investidos R$ 38,1 milhões em cursos, eventos e oficinas para mobilização de empresas, desenvolvimento de ferramentas para estruturação e planejamento estratégico para os sindicatos.






Propriedade Intelectual PROPRIEDADE INTELECTUAL


O Programa Propriedade Intelectual para a Inovação na Indústria foi criado com o objetivo de fortalecer e difundir a cultura de propriedade intelectual no Brasil. A iniciativa consiste no maior empreendimento de disseminação e capacitação para o uso estratégico da propriedade intelectual na América Latina. Mais de 400 mil estudantes já foram capacitados.


@cni_br