http://portaldaindustria.com.br/agenciacni/

Notícias

02 Dez 2014

Faturamento cresce, mas atividade na indústria continua fraca

Pesquisa da CNI mostra que as horas trabalhadas na produção e o nível de utilização da capacidade instalada caíram em outubro frente a setembro. O emprego no setor também diminuiu

O faturamento da indústria brasileira aumentou 3,1% em outubro na comparação com setembro, na série livre de influências sazonais. Foi a quarta alta consecutiva do indicador. Mesmo assim, o faturamento  acumula uma queda de 1,7% de janeiro a outubro em relação a igual período do ano passado, informam os Indicadores Industriais, divulgados nesta terça-feira (2), pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Conforme a pesquisa, as horas trabalhadas na produção caíram 0,3% em outubro frente setembro na série livre de influências sazonais. O nível de utilização da capacidade instalada recuou 0,5 ponto percentual e ficou em 80,6% em outubro. Na avaliação da CNI, isso mostra que a indústria operou, em outubro, abaixo do ritmo registrado em setembro.

Com a baixa atividade, o setor reduziu o quadro de trabalhadores. O emprego caiu 0,1% em outubro na comparação com  setembro, na série com ajuste sazonal. No mesmo período, a massa real de salários aumentou 0,7% e o rendimento médio real dos trabalhadores também cresceu 0,7%. Foi o quinto mês consecutivo de alta do rendimento dos trabalhadores, que acumula um aumento de 2,7% de janeiro a outubro, frente a igual período de 2013.

A pesquisa observa que a expansão do rendimento combinada com o cenário de fraca atividade pressiona os custos com pessoal e pode dificultar a recuperação do setor.

SAIBA MAIS - Acesse a página dos Indicadores Industriais para todos os detalhes da pesquisa.

Do Portal da Indústria



Comentários