PROPRIEDADE INTELECTUAL

NOTÍCIAS

14 de Outubro de 2013 às 18:11

A segunda frente

Biotecnologia - A Confederação Nacional da Indústria (CNI) lançou uma agenda de investimentos em biotecnologia industrial, promoção da saúde humana e do agronegócio. A CNI quer um novo marco regulatório da biotecnologia. Dono da maior biodiversidade do mundo, o Brasil pode ser um dos líderes desse mercado.

Pesquisa - Um estudo ouviu 369 pessoas do setor de biotecnologia entre fevereiro e julho, 76% são do setor privado. Do total, 62% dos entrevistados não têm orçamento e planos para investimento ou pesquisa em biotecnologia. Apenas 6% pretendem investir entre R$ 2 milhões e R$ 5 milhões nos próximos cinco anos.

* Nota publicada na coluna de Luiz Carlos Azedo em 12/10/2013