NOTÍCIAS

20 de Fevereiro de 2018 às 12:52

Contribuição Sindical empresarial ajuda a aumentar a competitividade das indústrias

Sindicatos industriais enfatizam conquistas para o setor e serviços prestados

A partir de 2018 o pagamento da Contribuição Sindical passou a ser voluntário, ou seja, somente empresas e trabalhadores que desejarem pagarão os seus respectivos sindicatos. Para convencer os empresários a contribuírem, os sindicatos industriais têm enfatizado as conquistas recentes para a indústria brasileira, mesmo num contexto político e econômico conturbado.

Sem título.png

A aprovação da Reforma Trabalhista, a regulamentação da terceirização e a aprovação do Programa Especial de Regularização Tributária – novo Refis –, inclusive para micro e pequenas empresas. Também foram obtidos avanços em propostas para simplificar a concessão de licenças ambientais e possibilitar a compensação de créditos tributários com débitos previdenciários.

Além de defender e representar a indústria nacional perante os governos municipais, estaduais e federal, os sindicatos também oferecem às indústrias uma série de serviços, como consultoria para tornar mais eficiente seu processo produtivo, capacitação para se adaptar à nova legislação trabalhista e implantar o eSocial, e assessoria para análise de riscos quanto às normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho.

Tudo isso só é possível com a contribuição dos empresários para os sindicatos e a atuação coletiva com as federações estaduais e a Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Quem quiser, ainda pode contribuir – O pagamento da Contribuição Sindical pelas empresas aos seus sindicatos ocorre tradicionalmente no mês de janeiro, mas como as conversas com os empresários continuam ocorrendo a todo vapor, muitos sindicatos industriais estão aceitando o pagamento até o fim de fevereiro.

Dessa forma, as indústrias que desejarem contribuir podem procurar o respectivo sindicato ou a federação das indústrias do estado.

Faça sua indústria melhor. Faça seu setor mais forte. Faça parte.