Boa Prática

10/11/2015

Início > INTERCÂMBIO COM UNIVERSIDADE ESTRANGEIRA / PRÊMIO INOVAÇÃO SIMEC

INTERCÂMBIO COM UNIVERSIDADE ESTRANGEIRA / PRÊMIO INOVAÇÃO SIMEC

Sindicato: Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico no Estado do Ceará (Simec/CE)

Presidente do sindicato: Ricard Pereira Silva

Mandato: 10/2012 a 9/2015

Federação: FIEC

Início de execução da prática: 3/2012
Fim de execução da prática: Até hoje

Raio-X da prática

Desenvolvido em parceira com o Instituto de Desenvolvimento Industrial da FIEC (INDI), o Simec/CE articulou a criação de um ambiente de discussão entre empresas, universidades e agências de fomento do Governo do Estado do Ceará, para a consecução de projetos de inovação setorial.
O salto quântico do Simec/CE, em relação ao tema inovação, foi possível mediante intercâmbio com a Universidade de Bengurion sediada em Israel, que influenciou a criação do programa de aproximação entre os principais agentes institucionais de apoio à inovação no Estado e a consecução do Prêmio de Inovação Simec.


Como surgiu a ideia

Inspirados por uma missão internacional do Simec/CE, realizada à Israel, em 2013, surgiu a proposta de replicação de modelo de aproximação entre empresas, universidades e centros de pesquisa.
A iniciativa brasileira aconteceu por meio de almoços de negócios promovidos pelo Simec/CE após missão organizada pela FIEC à Israel, que contou com a participação de cinco representantes do sindicato.


Como fazer acontecer

Como resultado do intercâmbio internacional com a Universidade de Bengurion, entre as proposições feitas, visitas foram promovidas a uma série de instituições ensino no Estado do Ceará entre as quais podem ser citadas: Unifor, Universidade Federal do Ceará (UFCE), Instituto Técnico Federal e Senai/CE.
Outra consequência da nova estratégia de atuação do sindicato foi a criação do Prêmio de Inovação Simec/CE que agracia os classificados em 1º e 2º lugar, com prêmios em dinheiro e equipamentos eletrônicos nas categorias: empresa inovadora, agente inovador e estudante inovador.
O estreitamento da relação entre universidades e empresas culminou com a proposição e desenvolvimento de projetos de inovação que foram selecionados por meio de editais do Programa de Apoio à Inovação Tecnológica nas Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Estado do Ceará (Tecnova/CE) em áreas como energia, desenvolvimento de produtos, processos e sistemas.


Principais resultados

Pela primeira vez na história do setor, foi registrada a apresentação de 38 projetos de inovação no edital do Programa Tecnova/CE com a aprovação de cerca de 30% dos trabalhos inscritos.
As ações também contribuíram para indução de uma cultura dirigida à inovação pelas indústrias filiadas ao Simec/CE e para uma visível quebra do imobilismo de lado a lado em relação ao aproveitamento do potencial para o desenvolvimento tecnológico entre instituições de pesquisa e empresas.
Além de indicadores qualitativos, o Simec/CE registrou crescimento de mais de 100% em seu quadro social ao longo dos quatro últimos anos e de cerca de 35% na arrecadação de contribuições sindicais.


Termômetro da boa prática

Complexidade: alta
Investimento: baixo
Retorno institucional: alto
Contribuição para a competitividade: alta


Resultado

Pela primeira vez na história do setor, foi registrada a apresentação de 38 projetos de inovação no edital do Programa Tecnova/CE com a aprovação de cerca de 30% dos trabalhos inscritos. As ações também contribuíram para indução de uma cultura dirigida à inovação pelas indústrias filiadas ao Simec/CE e uma visível quebra do imobilismo de lado a lado em relação ao aproveitamento do potencial para o desenvolvimento tecnológico entre instituições de pesquisa e empresas.


Saiba mais

Se você tem interesse em obter mais informações sobre a boa prática, entre em contato com o sindicato ou com a FIEC.

Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico no Estado do Ceará (Simec/CE)/CE: simec@simec.org.br

FIEC: lucia@sfiec.org.br