Boa Prática

20/11/2017

Início > INTERFACE SETORIAL

INTERFACE SETORIAL

Sindicato: Sindicato da Indústria de Material Plástico do Espírito Santo (SINDIPLAST/ES)

Presidente do sindicato: Gilmar Guanandy Régio

Mandato: 4/2016 a 4/2019

Federação: FINDES

Início de execução da prática: 10/2016
Fim de execução da prática: Até hoje

Raio-X da prática

A Interface Setorial promove o contato e geração de negócios entre as empresas associadas ao sindicato e as indústrias compradoras de insumos do setor de transformados plásticos. O primeiro encontro do projeto integrou a programação da Semana do Plástico do Salão da Indústria, realizada na Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo (FINDES).


Como surgiu a ideia

A Interface Setorial nasceu para garantir equilíbrio entre a oferta e a procura no setor, evitando que indústrias que demandam transformados plásticos no dia a dia, em diferentes segmentos, adquiram os materiais em outros estados. Dessa forma, fomentam-se negócios entre empresas locais e as indústrias do Espírito Santo ficam fortalecidas.


Como fazer acontecer

Além dos profissionais do sindicato que atuam no projeto, o investimento para criação da Interface Setorial foi R$ 5 mil.

No local, ocorre troca de informações, com divulgação de produtos e serviços e apresentação de necessidades pelas empresas participantes. Para facilitar as negociações, o Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (BANDES) explica e oferece linhas de financiamento disponíveis.

O primeiro passo foi a realização de pesquisa junto aos associados. As empresas foram consultadas sobre principais insumos que demandam em suas atividades e principais produtos que comercializam. Em seguida, o cruzamento de dados revelou a identificação desses materiais e na realização de encontros de negócios.

O SINDIPLAST/ES tem como parceiros na iniciativa a FINDES, responsável pelo Programa de Desenvolvimento de Fornecedores (PDF) e as grandes indústrias demandantes.

Cerca de cinco empresas foram usadas como âncoras, como a Marcopolo, da área de transportes, a Metalosa, fabricante de produtos em aço, e as indústrias do setor moveleiro Itatiaia e Bertolini.


Principais resultados

A Interface Setorial fortalece a imagem do sindicato e do associativismo, auxilia a captação de novos associados e valoriza os produtos capixabas.

As empresas também ganham a oportunidade de ampliar a imagem de seu negócio e produtos, de estreitar relacionamento com outras empresas e de expandir sua área de atuação. Outro resultado positivo é a elevação do entendimento sobre as demandas, o funcionamento de outros segmentos e o planejamento para a adoção de medidas estratégicas para o crescimento do negócio.

Além disso, novos negócios no setor acabam por impactar a geração de emprego e de renda no estado.


Termômetro da boa prática

Complexidade: Média

Investimento: Baixo

Retorno institucional: Alto

Contribuição para a competitividade: Alta


Saiba mais

Se você tem interesse em obter mais informações sobre a boa prática, entre em contato com o sindicato ou com a FINDES.

Sindicato da Indústria de Material Plástico do Espírito Santo (SINDIPLAST/ES)/ES: pda@findes.org.br

FINDES: pda@findes.org.br