Brazil 4 Business

Bahia

Localizada na Região Nordeste do Brasil, a Bahia fica em uma área estratégica fazendo divisa com oito estados. É composta por 417 municípios distribuídos por uma área territorial de 564.733 km², onde habitam pouco mais de 15 milhões de pessoas. É a principal economia da Região e sétima no ranking do PIB do país em 2013. Possui uma indústria pujante, com a segunda maior refinaria do Brasil e o maior complexo industrial petroquímico integrado do Hemisfério Sul.

A Bahia é a 1ra economia do Nordeste, com um PIB de US$ 86 Bilhões (2013). O estado tem ume área territorial superior a de toda Espanha, e conta com o maior litoral do território brasileiro, sendo 1.183 km de praias. Bahia é o 4to estado mais populoso do Brasil, com 15 milhões de pessoas. O estado tem uma localização geográfica favorável para sua inserção internacional, pois está próxima dos principais mercados mundiais e dos maiores estados do Brasil.

Bahia dispõe de uma economia complexa, sofisticada e em franco desenvolvimento. O agronegócio baiano se destaca no cenário nacional com a produção de grãos no Oeste, frutas no Norte e celulose no Sul. Por outro lado, possui uma indústria pujante.

Entre as razoes para investimento na Bahia, destacam se:

  • Refinaria Landulpho Alves (RLAM): a primeira refinaria do Brasil, criada em 1950, possui capacidade instalada para 323 mil barris/dia, tornando-a a segunda maior do país.

 

  • Polo Industrial de Camaçari: maior complexo industrial integrado do Hemisfério Sul, é composto por mais de 90 empresas químicas, petroquímicas e de outros ramos de atividade.

 

  • No setor automotivo, destaca-se a construção do complexo Ford em 2001 e recente inauguração da fábrica de motores (primeira do Nordeste).

 

  • A Bahia é o terceiro maior produtor de energia eólica do Brasil, com 230 projetos comercializados e R$ 22,7 bilhões em investimentos. O estado já atraiu multinacionais do setor como Alstom, Gamesa e Enel Green Power e a previsão é que em 2020, seja o primeiro produtor do país.

 

  • No setor de mineração, Bahia tem se notabilizado pela magnitude dos projetos que vem sendo anunciados, envolvendo minerais como ferro, níquel, ouro, bauxita e tálio, e até diamantes, a partir da extração direta da rocha.

 

  • SENAI CIMATEC é o primeiro campus do SENAI aliando escola técnica, centro de pesquisa e universidade tecnológica, com 2 doutorados. Dentre das suas áreas tecnológicas, que prestam serviço ao longo da cadeia produtiva, o CIMATEC conta com o Instituto Brasileiro de Robótica e o 2ndo maior supercomputador de América Latina.

 

DESCUBRA A BAHIA 
Para apoiar e dar suporte aos investidores estrangeiros, o Centro Internacional de Negócios (CIN) disponibiliza aos empresários informações, serviços de consultoria, organização de feiras, eventos e missões internacionais. O CIN-FIEB faz parte de uma rede liderada pela Confederação da Indústria (CNI) e interligada com dezenas de instituições internacionais de promoção de negócios e investimentos.

Confira, no menu à esquerda, diversas vantagens de investir na Bahia e entre em contato com a nossa equipe no estado.

Petróleo e Gás
A história do Petróleo no Brasil se iniciou na Bahia em 1938 com a descoberta do primeiro poço de petróleo em Salvador.  De maior importância para a Bahia, o setor de refino de petróleo e coque responde hoje ao 32,6% do valor bruto total da produção da indústria de transformação o estado. Além da refinaria RLAM, muitas indústrias do ramo petroquímico se concentram no Polo Petroquímico Industrial de Camaçari.

Em relação à produção de gás, a Bahia é o maior produtor do Nordeste e o terceiro do Brasil. No fornecimento de gás natural, o estado conta com o Campo de Manati, operado pela Petrobras em consórcio com a iniciativa privada, com capacidade de oito milhões de m³/dia.

Indústria Química e Farmoquímica
O setor químico na Bahia representa 16,1% do valor bruto da produção da indústria de transformação. O Polo Industrial de Camaçari, como maior complexo petroquímico integrado da América do Sul, abrange grandes multinacionais do setor químico e petroquímico, como Dow, Basf, Dupont e Monsanto. Entre as principais empresas está a Braskem, a maior petroquímica das Américas, que recebe derivados de petróleo da Petrobrás para transformação em petroquímicos básicos (eteno, propeno, benzeno, tolueno, butadieno, xilenos, solventes e outros).

No ramo de farmoquímica, cabe destacar a atuação da Bahia Farma, Fundação Baiana de Pesquisa Científica e Desenvolvimento Tecnológico, Fornecimento e Distribuição de Medicamentos, na pesquisa contra Zika.

A Bahia também é um estado atrativo no ramo cosmético, com a presença da Avatim, da Natura e a instalação recente de uma unidade produção da empresa brasileira O Boticario.

Indústria Automotiva e de transporte
A Bahia produz cerca de 6% de todos os veículos fabricados no Brasil e ocupa a quinta posição no ranking brasileiro de produção. Conta atualmente com o Complexo Industrial Ford em Camaçari e cerca de 30 fornecedores que compõem esse complexo automotivo.

Alimentação e bebidas
A Bahia é o quarto maior produtor de alimentos e bebidas no país e o quinto mercado consumidor. Este setor é marcado pela dispersão espacial no estado. Entre as fábricas instaladas e produtoras de alimentos e bebidas da Bahia estão a PepsiCo, Brasil Kirin, Nestlé, Sadia, Perdigão, Indústria São Miguel, Itaipava, Grupo Coca-Cola,  Vitarella, Marilan, São Braz, Agrovalle, Norsa Refrigerantes, Moinho dias Branco, J.Macedo, Seara, Bunge Alimentos, Indaiá, etc.

Indústria de Borracha e Plástico
A Bahia é o segundo maior produtor nacional de borracha natural, cuja produção responde por 30% do consumo interno. As principais fábricas instaladas no Estado da Bahia são: Pirelli, Vipal, Bomix, Mucambo, Continental, Sansuy, Dopec, Huhtamaki, Tigre e a Bridgestone, que planeja investir R$ 260 milhões na ampliação de sua fábrica para o ano 2016.

Indústria Têxtil e de Calçados
Na Bahia, o ramo Têxtil e Vestuário é representado por uma indústria dinâmica que viu seu valor de transformação industrial no Estado duplicar em 5 anos. No que se referre ao segmento de Couro e Calçados, as empresas baianas são responsáveis por mais de 6% da produção total brasileira.
O ano 2016 foi marcado pela inauguração do Polimoda, polo de indústrias de confecções, na cidade de Feira de Santana.

A Bahia possui diversos programas de incentivo e financiamento com o intuito de atrair investimentos e criar um ambiente competitivo para as indústrias do estado. Dentre os principais programas, destacam-se:

  • Programa de Desenvolvimento Industrial e de Integração Econômica (Desenvolve): tem como finalidade estimular a instalação de novas indústrias e a expansão, reativação ou modernização de empreendimentos industriais já instalados. O objetivo é gerar novos produtos ou processos, o aperfeiçoamento das características tecnológicas e a redução de custos de produtos ou processos já existentes.
     
  • Programa Crédito Presumido: Dispõe sobre a concessão de crédito presumido de ICMS nas operações de saídas dos produtos montados ou fabricados no estado.
     
  • Credifácil: Linha de financiamento criada para apoiar o crescimento e fortalecimento das micro e pequenas empresas baianas por meio de financiamento de capital de giro e investimento fixo.
     
  • Credibahia: Busca aumentar a oferta de crédito para pequenos negócios, permitindo a manutenção e a ampliação das alternativas de trabalho para a parcela da população baiana que tem maiores dificuldades de acesso ao crédito em bancos e agentes financeiros.
     
  • Fundo de Desenvolvimento do Nordeste (FDNE): tem por finalidade assegurar recursos para a realização de investimentos em infraestrutura, serviços públicos e em empreendimentos produtivos com grande capacidade de novos negócios e atividades produtivas.

Empresa: Ford
Investimento: USD 1.9 bilhões
Capacidade Instalada: 250 mil veículos / ano
Município: Camaçari
Objeto: A unidade da Ford na Bahia foi o principal empreendimento industrial que a empresa realizou no mundo no início do século XXI e é responsável pela produção de automóveis. O Complexo conta com 30 fornecedores, sendo 26 instalados diretamente dentro de sua área industrial e mais 4 outros em um parque industrial anexo.


“O Complexo Industrial da Ford em Camaçari, significa uma nova página na história da Ford no país e representa não só uma demonstração de confiança no crescimento do Brasil e do estado da Bahia, mas, também, de modelo e inovação tecnológica da Ford, na medida em que nele foi utilizada  a melhor experiência mundial da empresa sobre conceitos, métodos e os processos mais avançados de produção”.
Antônio Maciel Neto - Presidente da Ford Motor Company Brasil