Icone de informação - informações do Sistema Indústria com ações de enfrentamento ao Covid-19

Covid-19: Acompanhe as medidas de enfrentamento e ações feitas pela indústria

logo horinzontal.png

Em Brasília, FIEAC busca avanços para exportação de carne bovina e suína para outros países

O presidente da Federação das Indústrias do Acre (FIEAC), José Adriano, acompanhado de empresários do setor de frigoríficos e matadouros do estado, manteve nesta semana, em Brasília, uma série de importantes reuniões com as embaixadas da China, do Peru e também com a ministra de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Tereza Cristina. A principal pauta dos encontros foi a exportação da carne bovina e suína do Acre, agenda que faz parte do calendário de ações deste ano do Comitê Gestor do Plano Acreano da Cultura Exportadora (Pacex).

Além dos empresários, estiveram presentes nas reuniões o vice-governador do Acre, Major Rocha, a deputada federal Mara Rocha, o deputado estadual Luiz Gonzaga, representantes da Confederação Nacional da Indústria (CNI), entre outras lideranças. Na conversa com os brasileiros, o embaixador chinês, Yang Wanming, informou a abertura do mercado da China ao Brasil, especialmente para produtos como carnes bovina e suína.

Wanming lembrou que a China é o principal demandante de produtos brasileiros e assegurou, ainda, que acompanhará todos os trâmites burocráticos, junto ao MAPA, para os avanços na exportação das carnes bovinas e suínas ao país asiático. Ele afirmou que considerará o pedido feito pelos empresários e políticos brasileiros de certificação não presencial dos frigoríficos acreanos.

Já na embaixada do Peru, a comitiva acreana foi recebida pelo embaixador Javier Yepez. O representante peruano se comprometeu a apoiar o Ministério da Agricultura e Pecuária de seu país para promover a missão veterinária para carne suína já nos próximos meses. Ele declarou que o Peru também ganha com o fluxo de transporte refrigerado pela fronteira acreana para facilitar o comércio de produtos hortigranjeiros para o Brasil.

Na videoconferência com a ministra Tereza Cristina e que teve também a presença do senador Marcio Bittar, além dos deputados federais Alan Rick, Perpétua Almeida, e do deputado estadual Luiz Gonzaga, foi tratado, entre outros assuntos, a exportação de carne para o mercado chinês, a aprovação dos requisitos fitossanitários pelo MAPA e a disponibilidade de fiscais do Ministério no Acre.

Na ocasião, a ministra destacou que algumas demandas levantadas pelos empresários no que diz respeito ao comércio com o Peru necessitam de uma sinalização positiva por parte do país vizinho. Tereza Cristina se comprometeu em dialogar com autoridades peruanas para avançar nos pleitos elencados pela comitiva acreana e ressaltou, inclusive, que o governo do país andino pode optar por habilitar exclusivamente empresas do Acre para comercialização de vários produtos de interesse comum entre as regiões de fronteira.

Para o presidente da FIEAC, José Adriano, é essencial buscar uma aproximação maior com os mercados de China e Peru, destacando que essa demanda tem total apoio da CNI. “É de interesse dos empresários acreanos e coincide também com os planos da nossa Confederação da Indústria, que já se dispôs em nos apoiar no que for preciso para alcançarmos os avanços que esse segmento almeja”, ressaltou.

O vice-governador, Major Rocha, fez questão de expor, durante os encontros, as potencialidades do Acre para fornecer uma carne de qualidade para a China e para o Peru. “Temos uma localização geográfica privilegiada e precisamos aproveitar os benefícios que isso nos traz. Vamos fazer todo o esforço necessário para conseguir habilitação de empresas do nosso Estado para alcançar esses mercados externos, inclusive, iremos remeter um ofício conjunto, por parte do Acre e da CNI, sobre todos esses pleitos levantados nessas reuniões”, assinalou o vice-governador.

 

Voltar

Setinha para baixo indicando download
Contato

Quer saber mais sobre a Ação Pró-Amazônia e suas prioridades legais para o Brasil?

Preencha o formulário com seus dados que entraremos em contato. Até breve!

Entre em contato conosco

* Os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios

logo.png
Ação Pró-Amazônia

Presidente: José Adriano Ribeiro da Silva
Vice-presidente: Rivaldo Fernandes Neves
Secretária Executiva: Izabella Corrêa

Informações de contato

SBN Q. 01 Bl. C 1º andar, Ed. Roberto
Simonsen Brasília-DF / CEP 70040-903

(61) 3317.9364/9075

acaoproamazonia@cni.com.br

© 2020. Todos os direitos reservados.